17.3.10

É Tarde (siesta)



É tarde. Tarde de a seguir à manhã e antes da noite. Eu sei que nunca se diz assim, eu sei que não se diz "é tarde", como se diz "é manhã" ou "é noite" e é por isso que depois do almoço, antes do torpor que me leva ao sofá da sesta me vem o "é tarde". Mas também esse "é tarde" diz o oposto de ser cedo, diz o não ser já tempo, o não ser tempo de nada, diz o tempo da maior aproximação do limbo que é a sesta num sofá de dois lugares improvisado em cama com uma cadeira ao fundo. É tarde e eu vou dormir a sesta!